domingo, 31 de julho de 2011

PREVISÕES ATROLÓGICAS PARA AGOSTO/2011 - Por: Felipe Valcarce


Agosto/2011

O Mês se inicia com a Lua Nova em Leão trazendo grandes mudanças para o Planeta e grandes transformações em nós Seres Vivos. Do dia 03/Agosto ao 27/Agosto, tudo que for assinado ou tratado, deverá ter atenção redobrada, pois corre-se o risco de que não sejam cumpridas as obrigações contratuais. Após o dia 28/Agosto a comunicação voltará ao normal. As pessoas estarão mais egoístas e agressivas, podendo magoar inclusive pessoas queridas. A Terra agora, mais do que nunca, está nas mãos dos grandes governantes. O momento é de preocupação e apreensão, mas principalmente de cooperação e equilíbrio para passar em paz por todas as turbulências que estão por chegar.

Áries

Antes de mudar a sua rotina de trabalho deverá analisar friamente suas relações e resolver amigavelmente e com muito diálogo, qualquer assunto pendente.
Cuidado com os gastos extravagantes, guarde a nota fiscal para futuras trocas.
Tudo que você estava pensando até agora, necessita ser revisado detalhadamente antes de seguir em frente.
Sentirá grande irritação e impaciência em seus relacionamentos pessoais. Tentará impor suas vontades diante dos famiares. Deverá canalizar o excesso de energia em atividades físicas e buscar sua Paz e segurança interior para estar forte preparado para os das vindouros.

Touro

Os projetos criados no último mês, agora deverão ser analisados detalhadamente. Cuidado com a impulsividade das palavras para não criar inimigos.
A casa estará mais cheia, será convidado pra festas e poderá ganhar alguns kilinhos a mais.
O otimismo e uma maior visão do mundo ajudarão a trabalhar traumas, atitudes e complexos de infância. Necessidade de se sentir vital e espontânea. É importante neste período, ter alguma atividade física ou criativa. Procure passear, ir a praia ou cachoeira para relaxar evitando a ansiedade.

Gêmeos

Será um momento de maior necessidade de bens materiais e questionamentos de valores pessoais, podendo achar que sua felicidade está diretamente relacionada com sua parte material. Se for uma pessoa que não conseguiu equilíbrio financeiro, irá sentir-se muito inferior, esquecendo de que seus valores interiores são mais importantes. Deverá retomar conversas com irmãos, a fim de encontrar uma melhor solução.
Cuidado com as palavras, pois as pessoas poderão entender errado o que você quer dizer e poderá sofrer prejuízos e difamação.


Câncer

Terá chances de mostrar sua capacidade de liderança e buscará mais os seus objetivos que os dos outros. Precisará respeitar o direito do próximo para evitar problemas de relacionamento. Cuidado com as compras precipitadas, guarde bem a nota fiscal, pois poderá fazer uso dela para algumas trocas. O mês promete encontros românticos a luz de velas. Controle a sua alimentação, pois a mesa estará farta neste mês

Leão

Serão dias em que enfrentará situações embaraçosas com pessoas inimigas ou que divergem de sua forma de agir ou pensar. Pode ser um caminho para fazer você buscar em seu interior, a razão porque atrai estas situações ou pessoas, surgindo uma maior compreensão de sua psique. Aproveite o Mês de aniversário para iniciar novas atividades que lhe farão bem fisicamente e emocionalmente: aquele curso de dança, de teatro, que à tempos estava planejando, está mais criativo do que nunca, devendo pôr pra fora toda essa energia de criação e alegria. Brinque mais, solte sua criança interior.

Virgem

É um momento de reavaliar seus objetivos e a forma de se relacionar em grupo. Sua energia estará voltada para seus futuros objetivos, trabalhando ou iniciando algum projeto em equilíbrio, pois terá retorno no futuro. É importante respeitar os valores e idéias dos outros. A mudança na forma de pensar e agir será decorrente dos seus atos. O Mês será de muita luta e busca do equilíbrio. Procure se alimentar bem e ter uma rotina saudável. Preste atenção aos sonhos, eles poderão trazer a solução de vários problemas.

Libra

Bom momento para buscar seus objetivos profissionais ou iniciar projetos que possam torná-lo independente em seu trabalho. Pode ocasionar sérios conflitos com autoridades governamentais, patrões, empregados, parentes. Porém, se você está consciente desta energia, poderá evitar isto canalizando-a para alguma atividade criativa. O momento é de festas e encontros, cuidado com os
exageros. As cobranças agora tendem a diminuir, mas a responsabilidade perante a vida deve continuar.

Escorpião

Sentirá necessidade de buscar novos conhecimentos de filosofia de vida, religiões, línguas estrangeiras. Terá impulso para fazer viagens longas com finalidade de vivenciar os costumes de lugares distantes. Período que está muito criativo intelectualmente. É uma boa ocasião para aumentar sua visão de vida buscando novas experiências que permitam um maior crescimento.
Aproveite a boa energia profissional e faça contatos, mostre-se mais, apresente aquele projeto que estava guardado. Conversas antigas deverão ser retomadas e analisadas de uma forma diferente, mais detalhada.

Sagitário

Momento de efeitos inesperados e inconscientes, podendo sentir irritações que o farão brigar ou confrontar algum fato ou pessoa. Mas isto irá proporcionar-lhe um crescimento interior com mudanças em algum setor de sua vida, tendo que aprender a ceder e respeitar os direitos dos outros. Estará mais ativo sexualmente, devendo controlar e direcionar bem a energia. Aproveite a boa fase para programar viagens, inclusive passeios românticos. As mudanças profissionais poderão sofrer um pequeno atraso, e acontecerem após o dia 27/Agosto. Aproveite para rever e reavaliar seus objetivos.

Capricórnio

Haverá tensão nos relacionamentos de casamento, sociedade ou associações e como você percebe os outros. Terá de se conscientizar da importância de cooperar, ser paciente e acima de tudo respeitar os direitos dos outros, pois assim será um período de crescimento. Seus contatos passados poderão te ajudar à aumentar o patrimônio. Aja com cautela e muita justiça.

Aquário

Ativará sua capacidade de trabalho e sua energia física. Sentirá necessidade de mudar a rotina do seu dia a dia, buscando novas atividades que tragam prazer. Se tornará mais ativo e dinâmico em seus trabalhos diários, tendo um maior retorno dos mesmos. É importante que tenha alguma atividade física ou criativa para canalizar o excesso dessa energia, evitando que sua aceleração energética traga transtornos em seu trabalho diário ou em seu cotidiano. O mês promete muito romance e encontros agradáveis com amigos e pessoas queridas. Aproveite para recarregar as energias.

Peixes

Excelente momento para trabalhar a criatividade e a auto expressão de forma equilibrada, porém lembrando dos direitos dos outros. Necessitará ser reconhecido pelos seus valores pessoais e profissionais, porém precisará evitar exacerbação do ego. Sua necessidade sexual é grande e dará mais importância a um motel do que a um jantar em um restaurante de luxo. Se tiver filhos, poderá ficar muito autoritário e deverá trabalhar a paz interior e lembrar que um dia foi criança. Também é importante trabalhar a disciplina, para poder efetuar de forma paciente e correta seus trabalhos profissionais. Redecore sua casa com algum objeto dourado, irá trazer-lhe boas energias.

Felipe Astrólogo


sexta-feira, 29 de julho de 2011

LIMPAR OS RINS COM MENOS DE R$ 2,00



 MUITO BOM PARA HIPERTENSOS
 
 
Limpe seus rins por R$ 2,00
 
Os anos passam e nossos  rins vão filtrando nosso sangue para remover o sal e outros intoxicantes que entram no organismo.
Com o tempo, o sal se acumula e precisamos de uma limpeza. Como fazer isso?
De um modo simples e barato: Pegue um maço de salsa e lave bem. Corte bem picadinho e ponha em uma vasilha com água limpa.
 Ferva por 10 minutos e deixe esfriar. Coe, ponha em uma jarra com tampa e guarde na geladeira.
 Beba um copo todos os dias, e você vai perceber que o sal e outros venenos acumulados nos rins saem na urina.
Você vai notar a diferença!
 
Há muitos anos a salsa é reconhecida como o melhor tratamento de limpeza dos rins.
 E é um remédio natural!
 
A salsa é uma das ervas com propriedades terapêuticas menos reconhecidas.  Ela contém mais vitamina  C do que qualquer outro vegetal da nossa culinária (166mg por 100g). Isso é três vezes mais que a laranja.
A salsa contém também ferro  (5.5mg/100g), manganésio (2.7mg / 100g), cálcio  (245mg/100g) e potássio (1mg / 100g) .. Sendo  recomendada para pedra nos rins, reumatismo e cólica menstrual.
Sua alta concentração de vitamina C ajuda na absorção de ferro.
O suco de  salsa, sendo uma bebida natural,  pode ser tomado misturado com outros sucos, 3 vezes ao dia.
As folhas podem ser mantidas no congelador, e seu uso é recomendo na culinária diária, pois além de saudáveis, dão ótimo sabor a qualquer receita.


quarta-feira, 27 de julho de 2011

REFLEXÃO SOBRE O MEDO - Por: Rex Thomas - Terapeutas Sem Fronteiras


REFLEXÃO SOBRE O MEDO – Por: Rex Thomas

O mundo e o ser humano estão vivendo momentos de medoMedo de ser, medo de viver, medo de morrer, medo da solidão, medo da violência, medo de si e medo dos outros. Muitos estão sofrendo e quase paralisados pelo medo do passado, o medo do presente e, principalmente, o medo do futuro.

Sabemos que de fato existem somente dois tipos de emoções principais na vida e um ser humano: amor e medo. Todos os adjetivos que descrevem as emoções como ansiedade, raiva, alegria, paz, alívio, frustração, angústia etc, são outras maneiras de descrever o amor e o medo.

Buda diz que “todos os medos e todos os sofrimentos infinitos vêm da mente”, e eu sempre acredito que “ nosso melhor amigo e o pior amigo é a nossa própria mente”. Viver com medo é como viver com seu pior inimigo, e da mesma forma, viver em amor, é como viver com o seu melhor amigo. A vida pode ser melhor ou pior dependendo da forma que estamos percebendo os eventos em nossa vida. Muitos estão sofrendo com o medo do passado, do presente e do futuro, sendo que uma mudança real da percepção e da compreensão dos eventos da vida pode ajudar a transcender os seus medos.

Vamos primeiramente entender a origem do medo. O ser humano é essencialmente emoção. Tente explicar ou definir a essência da vida de um ser humano, e você estará definindo a essência da palavra emoção. Nós somos 100% emoção. Podemos dizer então que tudo que fazemos na vida fazemos pelo motivo principal de sentir certas emoções. Podemos dizer então que tudo que fazemos na vida fazemos pelo motivo principal de sentir certas emoções ou mudar certos sentimentos.

O sentimento de medo já está registrado na memória celular de todos os seres humanos, vindo geneticamente dos nossos antepassados. A partir do nosso nascimento, começamos a vivenciar eventos que desencadeiam o sentimento de medo já enraizado em nós como memória celular. Depois começamos a somar os medos dos nossos pais, dos parentes, da sociedade, amigos e parceiros e também o medo coletivo do mundo, criando assim uma massa crítica do medo em nós. Ou seja, compartilhamos com todos os medos do mundo.

Então vamos desmistificar o medo para começar a entendê-lo e a transcendê-lo. Precisamos saber que sentimos o medo do passado e do futuro APENAS NO PRESENTE. Sendo assim, devemos focar em transcender os medos sempre no momento presente. Para começar a dissipar os medos que sentimos do passado e a lembrança da dor emocional e física de eventos passados. O medo que sentimos no presente é uma reação fisiológica e emocional para evitar dores emocionais e físicas, baseados na lembrança dos eventos passados e possíveis eventos futuros, como por exemplo: DOR DA PERDA, MORTE, FRACASSO DOENÇA ETC...

Como todos os medos acontecem apenas no momento presente, a nossa ação para transcender o medo também deve ser no momento presente. Precisamos substituir o sentimento de medo e da dor pelo sentimento do respeito. Respeito é um ato de amor e amor é a única energia que pode dissipar a energia do medo. Não fuja das coisas ou das pessoas que você teme. Procure chegar com respeito e amor, olhe bem de perto com a intenção de compreender aquilo que você teme, e você poderá se surpreender com a descoberta de que realmente não há nada a temer, que aquilo que você de fato temeu, não representa nenhum tipo de perigo para você. Pense nisso: “Você não tem medo do fantasma, você tem medo do que o fantasma SUPOSTAMENTE pode fazer com você”.

É possível que você descubra que aquilo que você teme eram os medos dos outros que foram transferidos para você, e que não é algo que representa perigo para você. O mundo está cheio de medo compartilhado, e na maioria dos casos, quase ninguém sabe de onde vem e porque apareceram tantos medos, como se ele fosse um vírus que infestou o mundo. A meu ver, o aparecimento de tantos medos em nosso mundo indica a falta de amor.

Muitas pessoas tem um relacionamento péssimo com o Divino porque desde criança foram ensinadas a temer a Deus ao invés de amá-lo, e consequentemente passaram a vida toda vibrando sempre na energia do medo ao invés do amor. É simplemtente impossível temer algo e amá-lo ao mesmo tempo.

Desde a infância, a frase que eu mais escuto em minha volta, de parentes, amigos, na rua, no rádio, enfim, em todo lugar, é “estou com medo”. Raramente escuto pessoas expressando a frase: “Eu estou amando” ou “eu amo”. Parece que sempre estamos com medo de tudo e de todos.

É possível medir o medo? Eu diria que sim, já que o medo é a emoção oposta ao amor, como o dia e a noite. Sabemos que é impossível estar na escuridão quando o sol começa a brilhar, assim como é impossível sentir medo de alguém ou algo e amá-lo ao mesmo tempo. Portanto, as pessoas que sentem muito medo precisam começar a buscar a única energia emocional que dissipa e equilibra o medo: a energia emocional do amor. Principalmente de amor próprio!

Muitos já me perguntaram: “Qual é o propósito do medo?”. A resposta é que o medo existe para nos guiar e ensinar. O medo está a serviço do amor. O medo é o mecanismo cósmico que nos alerta quando estamos nos distanciando do amor. Tudo na vida começa a ficar mais escuro e mais confuso quando você se distancia da luz. Quando você começa a se distanciar do amor, você se aproxima do medo. O medo gera sofrimento e o sofrimento é a voz da sabedoria, te chamando de volta para a luz.

A razão para tanto medo no mundo é que muitos esqueceram quem são e o que são. A experiência de ser humano está sendo difícil para todos, porque de fato, não somos seres humanos. Somos seres essencialmente espirituais, e a experiência de ser temporariamente humano é estranha e confusa, como se fosse um imenso drama cósmico, cujas regras são desconhecidas. E sempre temos medo do desconhecido.

Como escrito anteriormente, sempre achamos que temos medo do fantasma, mas na verdade nosso real medo é do que o fantasma pode fazer conosco. O instinto de auto preservação nos coloca sempre na defensiva. Estamos sempre tentando nos proteger da dor física e emocional. Sempre antecipando que seremos magoados, prejudicados ou machucados, e reativamente fazendo o mesmo. Isto é o medo.

medo, como todas as emoções em vida, tem exatamente o valor emocional que você atribui a ele. Então, comece a dar mais valor emocional ao amor e menos valor emocional ao medo! Uma vez entendendo que somos seres essencialmente espirituais, ou seja, que SOMOS ETERNOS, IMORTAIS, INDESTRUÍTVEIS, podemos transcender o medo, não nos permitindo mais sermos magoados, prejudicados ou machucados, já que na nossa essência somos AMOR. A pergunta que devemos nos fazer em momentos de medo é: “O que o amor faria nesta situação?” A partir daí a sua resposta interna deve ser a sua AÇÃO EXTERNA. Lembre-se de que a sua vida não setrata do que está acontecendo com você ou como está se sentindo, mas a sua vida se trata DE O QUE ESTÁ FAZENDO COM O QUE ESTÁ SENTINDO EM QUALQUER SITUAÇÃO!

Muitas pessoas estão viciadas na emoção do medo e do sofrimento. Elas já leram, estudaram e fizeram muitos cursos, terapias e vivências, mas parece que nada resolve. Existem motivos para isto e um dos principais é o apego emocional e falta de compreensão do verdadeiro sentido da vida. O meu conselho é que devemos sempre ser, viver e agir como um GUARDIÃO, a invés de ser, viver e agir como dono de qualquer coisa nesta vida.

Convido você para respirar fundo, ler com atenção, pensar, sentir e digerir estas próximas palavras: Comece hoje a tratar tudo que você tem como presentes para serem agradecidos. Não se orgulhe dos seus bens materiais e posição social, porque eles na verdade não lhe pertence. Veja, tudo que é físico, é temporário, e tudo que espírito é permanente. Seu único pertence verdadeiro e permanente é o seu espírito, vidas após vidas, para sempre seu! A sua existência nesse plano é temporária e imensamente significativa, e uma das inúmeras maneiras para tornar a sua existência física mais feliz é se ver, não como dono dos seus bens materiais, mas como um guardião.

A atitude de um guardião é de serviço, humildade, simplicidade e cuidado, já a atitude de um dono é de possessividade, MEDO e orgulho.

O guardião está sempre pronto para desapegar-se dos pertences em amor e gratidão pela oportunidade de servir. Um dono se agarra aos seus pertences por orgulho, e o medo de perder, essa é a ilusão da segurança. Todos nós viemos para esse plano sem bens materiais, portanto, se desapegue dos valores antigos e crie espaço para o novo.

Quando você começa a pensar e agir como um guardião, você começará a vivenciar e compartilhar compaixão, generosidade e um estado de liberdade física, espiritual e mental, necessários para focar na sua única, verdadeira e permanente possessão: o seu espírito, vidas após vidas, para sempre seu.




segunda-feira, 25 de julho de 2011

O EQUILIBRIO DO FEMININO E DO MASCULINO NO PAPEL DA MULHER EXECUTIVA






Todo o humano é condição de antítese interna; efetivamente, tudo subexiste  como fenômeno da energia. A energia depende necessariamente de uma antítese existente, sem a qual não poderia existir. Sempre deve ter altura e profundidade, calor e frio,  para que possa ter esse processo de compensação que chamamos energia. Toda a vida é energia, e depende, portanto, das forças situadas em posição antagônica” (Jung, 1918: 75).”

O estudo do feminino e masculino vem permeando as nossas vidas há séculos como energias opostas, mas, complementares, que precisam ser equilibradas.  Muitos são os estudos e conceitos sobre este equilíbrio.
Os antigos chineses, desde os Séc. II, época do surgimento do Taoismo (Lao Tse),  deduziram que tudo no universo tem duas polaridades: a Yin, que poderíamos considerar o pólo negativo e o Yang, que seria o pólo positivo. Não existe uma conotação de bom ou mau, são polaridades dos fenômenos da natureza que se relacionam mutuamente e que se complementam. O Yin não pode existir sem o Yang e vice-versa. São pólos extremos, opostos, mas interdependentes, dentro do Yin e do Yang está incluída a sua parte oposta, ou seja, dentro da natureza Yang, está o Yin. Há um movimento cíclico e contínuo desses dois elementos: quando o Yin chega ao seu potencial máximo começa a se transformar em Yang. Um exemplo claro desse conceito seria compararmos o Yin como sendo noite e Yang como sendo dia. O dia não pode existir sem a noite, eles fazem parte do mesmo fenômeno, e se complementam. Quando a noite chega ao seu potencial máximo, meia-noite, o Yin começa a transformar-se em Yang (dia); este ao atingir seu limite (meio- dia) começa a transformar-se em Yin; assim o ciclo é mantido. Entre os extremos (meia-noite e meio-dia) existem as fases intermediárias. 
Mais recentemente percebemos este mesmo conceito nos estudos de Jung, que nos trouxe o conceito de Anima e Animus. O arquétipo da anima constitui o lado feminino no homem, e o arquétipo do animus constitui o lado masculino na psique da mulher.  Ambos os sexos possuem aspectos do sexo oposto, não só biologicamente, através dos hormônios e genes, como também psicologicamente, por meio de sentimentos e atitudes.
Trazendo estes conceitos para o mundo atual da mulher no mercado de trabalho, percebemos a necessidade do gerencimento dessas energias (yang/animus e yin/anima), a fim de que  ela possa equilibrar essas duas forças e aproveitar o máximo do lado positivo dos dois pólos, com a consciência da existência do lado negativo que existe em cada um. Com a nossa experiência no mundo corporativo atendendo executivas, verificamos que cada vez mais elas atuam na energia Yang, esquecendo do Yin. Isto deve-se ao fato que, tradicionalmente, este mercado pertence ao homem , à forca yang , e, a mulher entende que, para ser respeitada e valorizada neste mercado, ela precisa desenvolver fortemente esta energia, esquecendo-se da sua própria origem (energia Yin) , permancendo mais tempo no pólo negativo do Yang. O que a mulher precisa compreender é que ela não precisa estar num pólo ou em outro, ela deve aprender a gerenciar as forças destes dois pólos, integrando o lado positivo dos dois, e , minimizando o lado negativo deles.

Aliás, para reforçar ainda mais a necessidade de valorizar o lado positivo do Yin, podemos citar a antropóloga norte-americana Helen Fischer, que relata que a mulher, devido a diferenças biológicas em relação aos homens, apresenta facilidade maior para algumas habilidades de liderança; habilidades essas que com o mundo globalizado e interconectado como o atual, são cada vez mais necessárias. Estas habilidades são:
Pensamento em rede
Pensam em rede, unindo maiores variáveis, enquanto os homens pensam de maneira mais linear. Um estudo feito com as Fortune 500, sobre a grande contribuição das mulheres para o mundo dos negócios, o consenso foi que elas ofereciam um ponto de vista menos convencional.

Flexibilidade Mental
Este pensamento em rede permite à mulher ter uma maior flexibilidade, o que leva uma maior capacidade de imaginação, já que é capaz de considerar uma maior gama de possibilidades.
Articulação Verbal
Mulheres falam mais cedo do que homens e têm um vocabulário mais rico. A palavra é a arma da mulher, provavelmente selecionado na evolução por elas terem menor força física que elas têm.
Habilidades Sociais Executivas
É a habilidade de ler o que não está sendo dito, talvez também desenvolvido devido ao papel da maternidade; uma mãe tem de ler o que o bebê está sentindo.
Colaboração e Empatia
Este ponto também está relacionado à necessidade ancestral de construir uma rede de proteção para a prole. Um exemplo é que, se injetarmos hormônio masculino em pássaros e em mamíferos eles ficam mais agressivos e disputam território, mas se injetarmos hormônio feminino tendem a produzir comportamentos de acolhimento e de integração ao grupo. A biologia interfere em nosso comportamento e as mulheres deveriam aproveitar este fato.
Portanto, ao reprimir seu lado Yin, a mulher está abrindo mão de exercitar estas habilidades que lhes são mais naturais do que nos homens.
Para ajudá-las a atingir este equilíbrio mencionamos os estudos do Dr. Barry Johnson (Phd in Organizational Developmente from International College in Los Angeles, USA), que nos últimos 30 anos vem se dedicando aos estudos de gerenciamento de polaridade.  No modelo de  polaridade abaixo, podemos identificar os pólos opostos , mas interdependentes da energia Yin   e        Yang. Nos quadrantes superiores temos o lado positivo dos pólos Yin e Yang , nos  quadrantes inferiores o lado negativo destes mesmos pólos.  O objetivo é transitar pelos dois pólos, permanecendo o maior tempo possível nos quadrantes superiores, o que significa integrar o que  há de bom na energia Yang e na energia Yin, e, minimizar o máximo  possível o que há de ruim    nestas mesmas energias.
Pensando nas mulheres e observando este modelo, o ideal é que as executivas desenvolvam os   comportamentos positivos do quadrante superior do lado Yang como:  o fazer, a assertividade, o foco na tarefa, a produtividade, sem perder os comportamentos positivos do Yin,   como: o ser, o ouvir , o foco no outro e no relacionamento e o acolhimento, além de estar    sempre atenta para não cair no lado negativo destes pólos , como do lado Yin ( a submissão,    passividade) e do Yang (agressividade, egoísmo).




Percebam no modelo que não é um pólo OU outro, e sim um pólo outro, o que faz com que equilibremos as nossas forcas, levando o indivíduo mais próximo de sua essência. Portanto, não existe o certo e o errado, eles subexistem dentro de cada um dos pólos, e o nosso papel é escolher a melhor característica a ser usada no momento vivenciado.  
A mulher executiva precisa rapidamente resgatar a sua essência feminina (YIN) tendo a consciência da contribuição que ela pode trazer para o desenvolvimento do mundo dos negócios, pois podemos perceber que todas as habilidades relatadas pela Dra. Helen Fischer pertencem ao lado positivo do pólo Yin, que muitas vezes está sendo   negligenciado. Ao acolher este lado, a      mulher poderá trazer resultados e criar um ambiente  harmonioso e de respeito, focando na tarefa e nas pessoas ao mesmo tempo; ela pode“ser” e “fazer”, “sentir” e “pensar”. A partir de sua transformação pessoal poderá  transformar o mundo corporativo onde está inserida.

Autores:  Priscila  Godoy, Eliete Gomes e Frederico Porto.
Fontes:  Polarity Management, Johnson, Barry  Yin e Yang,
A Harmonia Taoista dos opostos, Cooper, J.C.
   Animus e Anima, Jung, Emma
  The First Sex , Fisher, Helen

sábado, 23 de julho de 2011

O SILÊNCIO - Por Eckhart Tolle


"Costuma-se dizer: "O silêncio é a linguagem de Deus, e tudo mais é tradução mal feita". O silêncio é realmente outra palavra para o espaço. Ao tornarmos consciência dele quando o encontramos na nossa vida, estabelecemos uma ligação com a dimensão sem forma e eterna dentro de nós, aquela que está além do pensamento e do ego. pode ser o silêncio que envolve o mundo da natureza, a tranquilidade, do nosso quarto nas primeiras horas da manhã ou os intervalos entre os sons. O silêncio não te forma - e por isso que, por meio do pensamento, não conseguimos ter consciência dele. O pensamento é forma. Ter consciência do silêncio significa ficar em silêncio. Ficar em silêncio é estar consciente sem pensamento. Nunca somos nós mesmos com tanta intensidade do que quando em silêncio. Nessas ocasiões, somos quem fomos antes de assumir temporariamente essa forma física e mental que chamamos de pessoa. Também somos aqueles que seremos depois que a forma se dissolve. Quando estamos em silêncio, somos quem somos além da nossa existência temporal: A CONSCIÊNCIA - incondicional, sem forma, eterna..."

LUZ, AMOR e GRATIDÃO

sexta-feira, 22 de julho de 2011

AMOR DOS ANIMAIS



Uma lição para os humanos aprenderem.

 

 
HISTÓRIA VERÍDICA E EMOCIONANTE!
Ao chegarmos na Feirinha para organizarmos a Feira de Adoção, encontramos 12 filhotes
abandonados: 8 com aproximadamente 40 dias, amontoados dentro de uma caixa


 




 
e, pasmem, 4 com horas de nascidos.


 




 
Ficamos desnorteados, sem saber o que fazer.
 
Por termos ficado dois finais de semana sem realizarmos feiras por causa do mau tempo, estamos
cheios de filhotes em hospedagens e bebês tão pequenos precisam mamar de duas em duas horas,
inclusive à noite.
 
Foi quando, em dado momento, apareceu uma cadela de rua,  CASTRADA e se aproximou dos
bebês recem nascidos. Deitou perto da caixinha  e começou a tomar conta deles.
 

 


 
Não deixava mais ninguém se aproximar.
 

 
Com cuidado, colocamos os bebês perto dela
 

 
que começou a acariciá-los e tentar oferecer-lhes o seu leite,  inexistente.
 

 
 Pasmem! O leite chegou! Este é o verdadeiro sentido da maternidade
 

 


 
Passadas algumas horas, com o leite aos poucos chegando, a mamãe já estava inteiramente
integrada com seus novos filhos, os quais cuida como se os tivesse gerado.
 
    
 
Nós a batizamos de Vida.
 
Fica, então, a pergunta: Por que nem todos os humanos agem desta forma???
 


 


 

"GRITE POR AQUELES QUE NÃO PODEM FALAR... DEFENDA OS ANIMAIS"

terça-feira, 19 de julho de 2011

Síndrome do Pânico- Respiração Diafragmática

Olá queridos(as) tudo bem?


Abaixo posto uma palestra maravilhosa sobre a Síndrome do Pânico.
Vale a pena ouvir, uma vez que ela é associada a medicina convencional e trata-se de um estado de ser e por isso, muito importante para todos.


Entendam a doença e saibam como cuidar e entender as pessoas que sofrem desse mal.


LUZ, AMOR e GRATIDÃO








segunda-feira, 18 de julho de 2011

RELACIONAMENTOS




Olá queridos(as) tudo bem?

Nos relacionamos com tudo que existe. Nossa casa, carro, familiares, amigos, colegas de trabalho, com o motorista do ônibus, com nossas roupas, o cobrador, o atendente de um balcão.

Você já pensou em como está seu relacionamento com tudo, todos e principalmente com você mesmo?

Nossa vida é relacionamento e com isso ganhamos experiências, vivências, conhecimentos, encontramo-nos com o novo em diversos aspectos. Seja ele por uma dica de livro, por uma conversa, observando apenas o movimento de tudo.

Mas se não houver um bom relacionamento com você mesmo, aceitando suas dificuldades, valorizando seus talentos, conseguindo olhar-se no espelho e dizer o quanto se ama e o quanto você se compreende, então você é incapaz de se relacionar com qualquer um ou qualquer coisa que esteja a sua volta.

O auto-conhecimento se torna importante pois é possível, elevar nossos talentos e melhorar nossas deficiências. É como nutrição, se falta uma vitamina, temos que tomá-la até conseguir o equilíbrio orgânico. Quando o corpo está debilitado, vamos ao médico, quando a alma, mente e emoções estão debilitadas, também devemos procurar a ajuda de um especialista, é para isso que existem os terapeutas e suas diversas técnicas de reequilíbrio mental, emocional e espiritual.

Se tiver medo de buscar ajuda, entenda que só adia o processo de cura e a prevenção de futuras doenças no corpo. Quando nos tornamos resistentes, perdemos a flexibilidade do corpo, pois nos negamos a flexibilizar a mente e o coração.

O auto-conhecimento serve para perceber onde "o bicho pega" e assim, desfrutar de técnicas e ferramentas que nos ajudarão por uma vida inteira.

Eu também busco nas ferramentas o auxílio para um equilíbrio emocional, mental e espiritual e lógico, o físico, pois sem treinamento corporal para as mudanças, não existe resultado. Tudo é uma questão de mudanças de hábitos que já viraram crença, mudança de conduta, comportamento e pensamentos que mudam uma vida!

As vezes em um simples livro ou artigo de revista você entra em contato com a sua cura interna e dessa forma, despertar para o Seu Eu e ver quem realmente você é, sem medo, pois todos temos nosso "ladinho sombra", mas se entrarmos em consciência de que ele existe e que podemos viver em  harmonia com ele, transformando-o em qualidade e não acusando-o ou reforçando sua existência com a velha frase: "Sou assim mesmo, não tem jeito". Aceite-se, pois não mudará mesmo e pouco menos encontrará aquela paz interior que tanto nos faz feliz por nós mesmo.

Essa felicidade interior está relacionada exatamente com a maneira com que nos relacionamentos com a vida e com tudo e todos que nos cercam. Se está infeliz, é porque permitiu ser infeliz, se está feliz, é porque permitiu que a felicidade entrasse em sua vida.

Permita-se, transforme, mude e veja como é bom existir neste Universo.

LUZ, AMOR e GRATIDÃO

UM DIA VOCÊ APRENDE...

video


Depois de algum tempo você aprende a diferença,
a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar uma alma.
E você aprende que amar não significa apoiar-se,
e que companhia nem sempre significa segurança.
E começa a aprender que beijos não são contratos
e presentes não são promessas.
E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida
e olhos adiante, com a graça de um adulto
e não com a tristeza de uma criança.
E aprende a construir todas as suas estradas no hoje,
porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos,
e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.
Depois de um tempo você aprende que o sol queima
se ficar exposto por muito tempo.
E aprende que não importa o quanto você se importe,
algumas pessoas simplesmente não se importam…
E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa,
ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso.
Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.
Descobre que se leva anos para se construir confiança
e apenas segundos para destruí-la,
e que você pode fazer coisas em um instante,
das quais se arrependerá pelo resto da vida.
Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer
mesmo a longas distâncias.
E o que importa não é o que você tem na vida,
mas quem você é na vida.
E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher.
Aprende que não temos que mudar de amigos
se compreendemos que os amigos mudam,
percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa,
ou nada, e terem bons momentos juntos.
Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida
são tomadas de você muito depressa,
por isso sempre devemos deixar as pessoas que amamos
com palavras amorosas, pode ser a última vez que as vejamos.
Aprende que as circunstâncias e os ambientes tem influência sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos.
Começa a aprender que não se deve comparar com os outros,
mas com o melhor que você mesmo pode ser.
descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto.
Aprende que não importa onde já chegou, mas onde está indo,
mas se você não sabe para onde está indo,
qualquer lugar serve.
Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão,
e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade,
pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação,
sempre existem dois lados.
Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer,
enfrentando as conseqüências.
Aprende que paciência requer muita prática.
Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera que o chute
quando você cai é uma das poucas que o ajudam a levantar-se.
Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência
que se teve e o que você aprendeu com elas
do que com quantos aniversários você celebrou.
Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha.
Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens,
poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia
se ela acreditasse nisso.
Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva,
mas isso não lhe dá o direito de ser cruel.
Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer
que ame, não significa que esse alguém não o ama,
pois existem pessoas que nos amam,
mas simplesmente não sabem como demonstrar isso.
Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém,
algumas vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo.
Aprende que com a mesma severidade com que julga,
você será em algum momento condenado.
Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido,
o mundo não pára para que você o conserte.
Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás.
Portanto, plante seu jardim e decore sua alma,
ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.
E você aprende que realmente pode suportar…
que realmente é forte, e que pode ir muito mais
longe depois de pensar que não se pode mais.
E que realmente a vida tem valor
e que você tem valor diante da vida!
Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem
que poderíamos conquistar, se não fosse o medo de tentar.
Este texto tem algumas partes escritas por William Shakespeare mas sofreu algumas alterações.

LUZ, AMOR e GRATIDÃO